ADVOCACY

Entenda a dor de milhares…

O Rio de Paz é uma organização composta por membros da sociedade civil que têm como objetivo principal amplificar a voz e dar visibilidade a todos aos quais o Estado brasileiro ignora seus direitos civis, políticos e sociais. 

O Rio de Paz é filiado ao Departamento de Informação Pública da ONU e atua para se manter referência na produção de informações sobre Direitos Humanos, condutores de políticas públicas e alerta para distorções sociais e violação dos direitos do povo brasileiro, através de levantamentos atualizados sobre desaparecidos, mortes violentas e sistema prisional, com visitas de campo para melhor conhecimento da realidade.

0
pessoas aproximadamente, são dadas como desaparecidas desde 2007

No Estado do Rio de Janeiro, cerca de 35 mil pessoas são dadas como desaparecidas desde 2007, número que pode ser ainda maior, uma vez que muitos casos não são registrados em delegacia. Também não é sabido, por meio de pesquisas confiáveis, quantos desses tiveram a vida interrompida pelo crime.

“É absolutamente certo que o número de homicídios é bem maior do que o que tem sido oficialmente divulgado. O caso do pedreiro Amarildo aponta para essa realidade trágica, inaceitável sob todos os aspectos, especialmente, para este novo Brasil que emerge nas ruas, não tolerante tanto com a prática de crimes tão hediondos, quanto com o fato de o poder público não os combater, esclarecer e punir os culpados", acredita Antônio Carlos Costa, da ONG Rio de Paz. Exercemos pressão política por meio das manifestações e protestos criativos, notas direcionadas às instituições do poder público e artigos publicados na imprensa.

A sua doação é muito importante para o Rio de Paz!